adidas e Figueirense fecham parceria contra discriminação racial

467407A adidas e o Figueirense surpreendem os torcedores e marcam um gol contra a discriminação racial, no dia 18 de março. O clube, que fez o primeiro tempo usando camisa na cor branca, retornou do intervalo com uma nova – dessa vez, preta -, chamando a atenção de todos os presentes que assistiam a disputa do Campeonato Catarinense.

O uniforme foi apresentado após a exibição de um vídeo no estádio, onde os atletas Bruno Alves e Henrique Trevisane e os ex-atletas Genilson e Abimael mostram a camisa e chamam a atenção para o Dia Internacional Pela Eliminação da Discriminação Racial, que aconteceu no dia 21.

Ainda para incentivar o debate sobre a causa antes da partida, o clube realizou uma promoção de ingressos para torcedores. No momento da compra quem apareceu com uma camisa preta ou branca pôde comprar ingressos por R$ 10,00.

“O novo manto do Figueirense representa uma luta pela igualdade. Não há espaço para o preconceito racial no esporte. Estamos felizes em conseguir aliar uma bela camisa com uma causa tão importante. Esse novo uniforme certamente vai dar muito orgulho aos torcedores Alvinegros”, afirma Wilfredo Brillinger, presidente do Figueirense.

“A adidas sempre lutou e sempre lutará contra qualquer tipo de preconceito. Esta luta está no nosso DNA, desde quando nosso fundador Adi Dassler forneceu as sapatilhas de corrida do americano negro Jess Owens em plena Alemanha nazista nos jogos de Berlim, em 1936. Atualmente temos orgulho em apoiar grandes atletas negros como Paul Pogba, James Harden, Gabriel Jesus, Tori Bowie, Yohan Blake, além de celebridades como Kanye West, Pharrel Williams e Snoop Dog. Portanto, quando a diretoria do Figueirense fez a proposta, aceitamos com muito orgulho”, finaliza André Xavier, gerente de Produto da adidas.

Foto: Divulgação adidas

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.