Krones comemora resultados de 2012

O grupo alemão Krones, fornecedor de sistemas de envase e embalagem para a indústria de bebidas, aumentou em 2012 seus principais indicadores de desempenho financeiro em relação ao ano anterior.

A receita consolidada cresceu 7,4%, de €2,48 bilhões em 2011 para €2,66 bilhões no ano passado. Enquanto a fatia da receita gerada na Europa diminuiu, a fatia gerada na Ásia aumentou novamente, e, no total, os mercados emergentes foram responsáveis por 62% da receita da companhia em 2012 (contra 60% em 2011). Os novos pedidos, por sua vez, avançaram 8,2%, passando de €2,51 bilhões para €2,72 bilhões, com grande participação dos países emergentes.

Os lucros antes dos impostos (EBT) subiram 31,2% em 2012 em relação ao ano anterior, atingindo €97,9 milhões. O lucro líquido da Krones em 2012 foi de €67 milhões, aumento de 53,3% ante 2011. De acordo com a companhia, o aumento do lucro líquido foi muito maior do que o aumento do EBT, em porcentagem, porque a taxa fiscal da empresa diminuiu de 41,5% para 31,6%. Em 2011, a Krones teve de pagar impostos de anos anteriores, seguindo uma auditoria fiscal.

A força de trabalho do grupo cresceu em 2012, passando a 11.963 funcionários – contra 11.389 em 2011.

Segundo informações da empresa, a Krones teve um bom começo de 2013. A situação macroeconômica ainda difícil no mundo não teve impacto significativo, e o grupo se beneficiou de sua posição forte nos mercados emergentes. A receita nos três primeiros meses do ano ficou em €683 milhões, 5,4% maior que no mesmo período do ano anterior, enquanto que os novos pedidos fecharam em €685 milhões, ou 3,9% a mais na mesma base de comparação.

Baseada no comportamento dos mercados nos quais atua e no quadro econômico ainda incerto, a Krones espera que sua receita cresça 4% em 2013.