Evonik expande negócio de sílica

 

evonik 2Evonik Industries AG adquire o negócio de sílica da J.M. Huber por US$ 630 milhões. Com a aquisição, a Evonik expande sua posição nesse lucrativo negócio na América do Norte e na Ásia. “Huber Silica irá fortalecer significativamente o nosso segmento Resource Efficiency”, disse Klaus Engel, Presidente da Diretoria Executiva da Evonik. “Além disso, ela oferece a oportunidade de desenvolver estrategicamente o portfólio da Evonik”.

“O negócio de sílica faz parte da Huber desde os anos 1950 e abriu caminho para a expansão global da nossa empresa em materiais de engenharia”, disse Mike Marberry, Presidente e CEO da Huber. “Embora seja difícil se separar de um negócio assim, vemos a Evonik como uma perfeita combinação estratégica tanto para os nossos clientes quanto para os nossos funcionários de sílica”. 

O mercado da sílica se caracteriza por sua variedade de aplicações e registra crescimento anual de 4% a 6%, acima da média. A atuação da Huber se concentra especialmente em aplicações no segmento de bens de consumo, por exemplo na área dental. Até a presente data, a atuação da Evonik tem se concentrado sobretudo em aplicações industriais, por exemplo, nas indústrias de pneus e revestimentos.  “A combinação dos negócios complementares de sílica da Evonik e da Huber irá fortalecer um pilar importante do nosso portfólio”, explicou Christian Kullmann, membro da Diretoria Executiva da Evonik, responsável por Estratégia. “Além disso, Huber Silica é um excelente complemento geográfico com seu foco nos Estados Unidos, China e Índia”. 

Em virtude da complementaridade ideal das duas áreas de negócios, a Evonik prevê gerar sinergias de US$ 20 milhões, basicamente nas áreas de produção, logística e compras, bem como em otimização do portfólio de produtos.  A Evonik espera ter todas as medidas de sinergia implementadas até 2021.

A compra em si deve ser concluída no segundo semestre de 2017, após a devida aprovação das autoridades competentes. A aquisição deve exercer impacto positivo sobre os resultados ajustados da Evonik por ação já no primeiro exercício fiscal completo. O financiamento da transação se deu por fundos próprios da Evonik e linhas de crédito comprometidas.

Foto: Divulgação Evonik

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.